Web Rádio Show Francisco no 24 Horas no Ar

terça-feira, 25 de junho de 2019

Prefeitura de Campos volta a adiar entrega da nova sede do Hospital São José

Inauguração havia sido remarcada para esta terça-feira; na data, acontecerá apresentação da unidade à imprensa

POR MARCOS CURVELLO
Esperada há pelo menos seis anos, a entrega da Unidade Pré-Hospitalar (UPH) São José foi adiada mais uma vez pela Prefeitura de Campos. Localizada no distrito de Goitacazes, na Baixada Campista, a inauguração das novas instalações da unidade de saúde aconteceria nesta terça-feira (25), após ser adiada por quase um mês. Na data, acontecerá uma “apresentação oficial” da UPH aos veículos de comunicação.

“Os últimos detalhes estão sendo finalizados para funcionamento total da unidade que contará, inclusive, com internação. A UPH tem equipamentos de última geração, mobiliário moderno e sistema informatizado, com computadores em todos os consultórios e salas. Entre os aparelhos, estão um Raio X digital e cinco respiradores pulmonares”, diz nota oficial da Prefeitura enviada ao Jornal Terceira Via.

Adiamento — Em um vídeo publicado no 30 de maio, no canal oficial da Prefeitura no Youtube, o secretário municipal de Saúde Abdu Neme afirmou ter pedido ao prefeito Rafael Diniz (PPS) o adiamento da inauguração da UPH de 31 de maio para “até dia 25 (de junho), no máximo”. Segundo o município, a mudança na data da entrega do São José ocorreu em função da necessidade de adequação da estrutura, após a chegada de novos aparelhos, “como o raio-x digital”.

Veja abaixo o vídeo do secretário:

Referência — O São José é referência para a Baixada Campista, que tem 75 mil moradores, mas funciona em um prédio antigo, também localizado em Goitacazes, que vem sendo alvo de uma série de denúncias de má conservação nos últimos anos.

A obra da nova sede da UPH foi iniciada em 2011, com previsão inicial de entrega em dois anos. Os trabalhos, porém, se arrastam há oito anos.

A planta conta com dois pavimentos e 2.700 m² de área construída, incluindo 10 consultórios ambulatoriais, cinco consultórios de emergência e 40 leitos de enfermaria, sendo 30 de clínica médica e 10 de pediatria.
Fonte:Terceira Via

Nenhum comentário:

Postar um comentário

VOCÊ PODE FICAR À VONTADE PARA COMENTAR A MATÉRIA! ENVIE SUA CRÍTICA,MAS TAMBÉM ENVIE-NOS SUA OPINIÃO, DE COMO VOCÊ ESTÁ VENDO E APRECIANDO ESTE TRABALHO,SÓ LHE PEDIMOS UM FAVOR,SE IDENTIFIQUE,GRATO.