Web Rádio Show Francisco no 24 Horas no Ar

Ao Vivo Web Rádio Show Francisco

OUÇA TAMBÉM NO SEU FACEBOOK

sábado, 31 de janeiro de 2015

2º CAPÍTULO: MANGUINHOS UM PARAÍSO TROPICAL

PRAIA DE MANGUINHOS
SÃO FRANCISCO DE ITABAPOANA RJ


Fulinaíma Produções e Blog Show Francisco firmam parceria com vistas a produção de docs fotográficos e áudio visuais por toda região do Norte Fluminense. Com foco nas belezas naturais da região, e o seu estado de conservação.
E todos os dias no seu fim de tarde, estaremos proporcionando um conhecimento geral de nossa região.
Desde sexta feira 30/01, começamos a lhe apresentar um pouco de tudo de cada região de São Francisco de Itabapoana.
Fotos e Filmagens, produzidas só para o seu prazer!





















O mar avançou neste mês de janeiro na Praia de Manguinhos e destruiu obras irregulares, vejam isso...

    Observam onde eram as fossas de esgotamentos dessas casas.
   Enfim muitas outras residências, estão comprometidas.


               "Manguinhos onde o tempo não tem pressa"                
Curta filmado em Manguinhos
com trilha sonora de Lenine
Fulinaíma Produções - Direção: Artur Gomes Gumes.











sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

1º CAPÍTULO: MANGUINHOS UM PARAÍSO TROPICAL


PRAIA DE MANGUINHOS
SÃO FRANCISCO DE ITABAPOANA RJ
Fulinaíma Produções e Blog Show Francisco firmam parceria com vistas a produção de docs fotográficos e áudio visuais por toda região do Norte Fluminense. Com foco nas belezas naturais da região, e o seu estado de conservação.
E todos os dias no seu fim de tarde, estaremos proporcionando um conhecimento geral de nossa região.
Esta semana a partir desta sexta feira 30/01, começamos a lhe apresentar um pouco de tudo de cada região de São Francisco de Itabapoana.
Fotos e Filmagens, produzidas só para o seu prazer!


















         









                 










  A gente não entende, mas, existe rua sem saída, fechada por chalés na orla marítima, se for para continuar a viagem é só retornar e trafegar por outra rua.






































           








Construção irregular na orla da praia, uma demonstração de perigo. 



            "Pra colher lírios há que se por o pé na lama"
               
          curta filmado em Manguinhos
          com poemas de Artur Gomes, na voz do próprio autor
          Fulinaíma Produções - Direção: Artur Gomes.














Amanhã tem mais...



PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DE ITABAPOANA, ENERGIA QUE TRANSFORMA






15º Campeonato Open de Jiu Jitsu em São Francisco de Itabapoana RJ

Estarão competindo da faixa branca à faixa preta (infantil e adulto) diversos lutadores do Norte e Noroeste Fluminense, Espírito Santo e Minas gerais no 15º Campeonato Open de Jiu-Jitsu , que acontecerá neste sábado (31), das 16h às 19h, em frente ao palco oficial instalado na Praia de Santa Clara, no litoral de São Francisco de Itabapoana. 

O evento é organizado pela Equipe WCL em parceria com prefeitura de São Francisco por meio da Secretaria de Esporte e Lazer.

O secretário de Esporte, Noel Júnior, destacou que essa é mais uma programação esportiva, entre muitas já realizadas, que promete atrair um grande público.

“Assim como os outros eventos esportivos que temos promovido, estimamos que o Jiu-Jitsu vai reunir muita gente, por se tratar de uma luta esportiva bem chamativa. Vale destacar que o nosso objetivo é sempre despertar no público o interesse pelo esporte para uma melhor qualidade de vida”, ressaltou.

O Jiu-Jitsu é um dos esportes que mais tem crescido significativamente no município de São Francisco de Itabapoana, cujos competidores têm conseguido boas premiações na região.


Fonte: Ascom SFI-RJ/Show Francisco



Rio Paraíba: vazão mínima para Guandu pode ter nova redução

O secretário estadual do Ambiente, André Corrêa, revelou nas últimas horas que a Agência Nacional de Águas (ANA) propôs reduzir ainda mais o nível mínimo de vazão de água do Rio Paraíba do Sul para a barragem da usina hidrelétrica de Santa Cecília, da Light, localizada em Barra do Piraí. Atualmente, essa vazão está em 140 metros cúbicos por segundo e a proposta é que caia para somente 110 metros cúbicos por segundo. O assunto será tema de uma reunião no escritório da ANA, em Brasília, no próximo dia 5.

O Governo do Estado do Rio é contra essa redução drástica devido à incerteza se seria possível manter os níveis de abastecimento de água no estado. No caso dos 66 municípios abastecidos pela estação de tratamento do Rio Guandu, inclusive a capital, são tratados 47 metros cúbicos por segundo, sendo que 2 metros cúbicos por segundo apenas para atender a Refinaria Duque de Caxias (Reduc). Em tese, a redução da vazão não comprometeria o abastecimento, mas há dúvidas se as adaptações feitas no sistema de comportas para captar água em níveis mais baixos resistiria à diminuição da vazão.

— Os técnicos estão fazendo avaliações sobre questões estruturais. Não sabemos se teremos uma posição sobre isso já no dia 5 – afirmou o subsecretário do Ambiente Antônio da Hora.

O objetivo da medida é preservar os estoques de água disponíveis no reservatório equivalente da bacia hidrográfica do Rio Paraíba do Sul, que é composto pelas barragens de Paraibuna, Santa Branca, Jaguari e Funil. A proposta se deve à crise hídrica que atinge o Sudeste. .

Também nesta quinta, representantes do governo estadual se reuniram com integrantes de quatro grandes indústrias que captam água do Rio Guandu. O secretário André Corrêa anunciou que as empresas terão que passar investir em tecnologia para captar água de reuso da Estação de Tratamento do Rio Guandu. Ele propôs que as empresas arquem com o custo da construção do novo sistema de captação para acelerar o processo, havendo posteriormente uma compensação de crédito, para acelerar a implantação. A Reduc também será convocada para mudar seu sistema de captação, também passando a fazer o reuso.

Fonte:Agência O Globo/Ururau/Show Francisco