Web Rádio Show Francisco no 24 Horas no Ar

Ao Vivo Web Rádio Show Francisco

OUÇA TAMBÉM NO SEU FACEBOOK

sexta-feira, 24 de junho de 2016

EVENTOS DO FINAL DE SEMANA EM SÃO FRANCISCO DE ITABAPOANA RJ



CDL DE SÃO FRANCISCO DÁ INÍCIO A CAMPANHA DO COBERTOR 2016

Aqueça seu coração doando um cobertor.


Às portas de um dos invernos mais rigorosos que já tivemos, nós da CDL, estamos iniciando a CAMPANHA DO COBERTOR 2016.

Entregue em nossa sede ou combine a retirada de peças que iremos buscar.

Estamos recolhendo cobertores e edredom.

Nossos telefones:

(22) 2789-1314 ou 99864-8323.


Apoio Total:








Municípios recebem royalties nesta sexta-feira com nova alta


Municípios produtores de petróleo recebem nesta sexta-feira (24) os royalties de junho, referentes à produção de abril. Para a maioria das cidades da região, o repasse registra nova alta, como é o caso de Campos, que terá R$ 23.001.211,50 depositados, valor 11,1% superior que o repassado em maio. Em 2016, o município já recebeu R$ 172.721.498,68, entre royalties e participação especial.

Com depósito de R$ 5.265.666,92, São João da Barra contabiliza alta de 0,9% em relação ao mês anterior, quando foram repassados R$ 5.217.388,87. Para Macaé, o repasse é de R$ 20.285.142,79, enquanto em maio foi de R$ 20.256.827,48. O município de Rio das Ostras tem elevação de 4% no depósito de junho, em relação ao período anterior. Quissamã, que recebe nesta sexta-feira R$ 3.424.201,80, é o município do estado que registra maior alta no repasse de junho, de 28,9%.

Mas nem todos os municípios recebem boas notícias neste mês. Carapebus terá R$ 1.461.798,30 depositados, o que representa uma queda de 14%. Para Casimiro de Abreu, o repasse em junho é de R$ 2.410.070,31, valor 6,5% menor que o de maio.

O superintendente de Petróleo, Gás, Biocombustíveis e Tecnologia de São João da Barra, Wellington Abreu, ressalta que esse aumento no repasse já era esperado, mas que os municípios ainda devem permanecer em alerta.

— Valores já eram esperados devido à permanência da produção na maioria dos campos, com pequena recuperação para Albacora e Marlim e paradas programadas para o Campo de Lula, levando a um aumento maior de Quissamã e Campos e queda para Maricá, Niterói e Rio de Janeiro. Permanecemos no alerta vermelho, deixando a antecipação de recebíveis como a única forma de equalizar as finanças. Devemos acompanhar com cautela, porque pode piorar a qualquer momento — destacou Wellington.
Campos 24 Horas/Show Francisco



Quatro flagrados com drogas em Guarus e Goitacazes

Ações da PM conseguiu apreender drogas e material nas últimas horas em Campos

A Polícia Militar prendeu um casal com drogas na noite desta quinta-feira (23), em Goitacazes, na Baixada Campista. PMs faziam patrulhamento pela Linha do Limão, quando avistaram um casal trafegando em atitude suspeita. Após revista, foram encontrados 13 sacolés de cocaína, uma balança de precisão e material para embalar drogas.

Posteriormente, os militares se deslocaram para a residência do casal, onde encontraram mais meio quilo de maconha.

O casal e o material apreendido foram encaminhados para a 134ª DP/Centro.

Dois flagrados com maconha e cocaína em Guarus

Na noite desta quinta-feira (23), dois homens foram presos após serem observados por policiais militares em atitude suspeita em um local conhecido como Pontilhão, no Jardim Carioca, em Guarus, Campos.ç

Agentes do GAT II realizaram campana, onde posteriormente realizaram a abordagem aos suspeitos identificados como J.P.A. e R.S.S.. Com o primeiro suspeito foi encontrada a quantia de R$ 15 e no local, apreendidos 18 sacolés de cocaína e 5 buchas de maconha.

O material e os suspeitos foram levados para a 146ª DP/Guarus, onde o caso foi registrado.
Campos 24 Horas/Show Francisco



Assassinato: comerciante é amarrado, torturado e enforcado na praia do Xexé

A vítima foi pendurada pelo pescoço por uma corda e a outra extremidade amarrada ao telhado



Um comerciante foi torturado e assassinado dentro de sua casa, na manhã desta sexta-feira (24), na Rua Capitania do Espírito Santo, na praia do Xexé, em Farol de São Tome. A vítima foi identificada como Paulo Roberto Gomes Rangel, de 66 anos. Ele era conhecido como Paulinho do Bar.

De acordo com a polícia, o idoso foi encontrado dentro de seu quarto já sem vida. Uma corda estava amarrada ao pescoço da vítima e a outra extremidade ao telhado. O idoso ainda teve pés e mãos amarrados com fios, e apresentava sinais de tortura. A cabeça dele foi coberta por um tecido vermelho.

A polícia apura informações de que a vítima teria vendido uma casa e um carro há poucos dias e o dinheiro da venda estaria dentro da residência, que estava revirada.

A vítima estava sozinha quando teve a casa invadida. A polícia ainda não tem suspeitos para o bárbaro crime.

O caso está sendo investigado para definir, inicialmente, se foi execução ou latrocínio (roubo seguido de morte).
Campos 24 Horas/Show Francisco



Caminhoneiro baleado em tentativa de assalto em SJB



Vítima foi levada para o Hospital Ferreira Machado


Um caminhoneiro foi baleado em uma tentativa de assalto na noite desta quinta-feira (23/06), na localidade de Água Preta, no município de São João da Barra.

Segundo informações, a vítima P.P., de 55 anos conduzia uma moto quando foi abordado pelos suspeitos que dispararam contra a vítima que foi atingida com um tiro na barriga.

Familiares do homem socorreram o mesmo para o Hospital Ferreira Machado (HFM). No local do crime não houve informações da autoria da tentativa de homicídio.

O crime foi registrado na 145ª Delegacia Legal do município.

Fonte Ururau / Parahybano/Show Francisco

Cerveró sai da prisão nesta sexta com tornozeleira eletrônica

Ex-diretor da Petrobras é réu em dois processos e foi condenado a 27 anos de detenção

Foto: Divulgação

O ex-diretor da área Internacional da Petrobras Nestor Cerveró colocou tornozeleira eletrônica nesta quinta-feira (23), na sede da Polícia Federal em Curitiba. Ele deve deixar a carceragem na sexta-feira (24), segundo informações do G1.


Cerveró firmou acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal (MPF) e já foi condenado a 27 anos e quatro meses de prisão por duas ações penais pela Operação Lava Jato. Ele é réu em outros dois processos.

O acordo assinado pelo ex-diretor prevê que ele devolva R$ 17 milhões aos cofres públicos. A íntegra do documento foi publicada depois de decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki, após pedido da Procuradoria Geral da República.

O documento também define que ele fique preso por, o máximo, 25 anos. Com isso, ele cumprirá 1 ano, 5 meses e 9 dias em regime fechado na carceragem da Polícia Federal. Como foi detido em janeiro de 2015, ele deverá continuar a cumprir pena em casa a partir desta sexta, usando tornozeleira eletrônica.
G1/Show Francisco

Olimpíadas: Vereadores irão debater deslocamento de PMs de Campos para o Rio

Audiência na próxima segunda-feira para discutir a questão da segurança pública no município
Foto: Divulgação

Em meio a uma escalada de crescimento da violência em Campos, a Câmara Municipal realiza audiência pública, na próxima segunda-feira, dia 27, a partir de 14 horas, para discutir a questão da segurança pública no município durante a realização dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro.


A audiência foi proposta pelo vereador Alexandre Tadeu (PRB), durante a sessão ordinária do dia sete de junho e contou com aprovação unânime do plenário.

“Sempre que há um evento de grande porte na capital, parte dos policiais do interior é deslocada para lá. Atualmente, a criminalidade de alastra de forma preocupante no município, onde a violência faz vítimas todos os dias em Campos. Se perdermos policiais, a situação ficará ainda pior”, disse Alexandre.

Para a audiência, foram convidados os delegados Geraldo Rangel (134ª DL) e Luís Maurício Armond (146ª DL); o tenente coronel Marco Aurélio Louzada (comandante do 8º BPM); o coronel Lúcio Flávio Baracho (comandante do 6ª CPA); o chefe da Guarda Municipal, Carlos Augusto Leão; o presidente da (Ordem dos Advogados do Brasil (OAB- Campos), Humberto Nobre; o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Norival Manhães e o presidente da Carjopa (Comerciantes e Amigos da Rua João Pessoa), Eduardo Chacur.
Campos24horas/Show Francisco

TRE-RJ lança novos canais para receber denúncias de propaganda eleitoral irregular

População poderá informar irregularidades também pelo Facebook e WhatsApp


Neste ano, a população fluminense terá dois novos canais para denunciar irregularidades na campanha eleitoral: uma página na rede social Facebook e um número de WhatsApp (21-99533-5678). "O Judiciário precisa estar cada vez mais próximo da população, por isso é nosso dever oferecer ao eleitor canais que estão sendo utilizados de forma massiva, fazendo dele um parceiro da nossa fiscalização e garantindo o sigilo da sua denúncia", afirma o coordenador de fiscalização da propaganda no Estado, juiz Marcello Rubioli.

Outras opções para comunicar irregularidades ao TRE-RJ são o Disque-Denúncia Eleitoral (21) 3436-9999, que funciona de segunda a sexta-feira, das 11h às 19h, e o email propaganda.eleitoral@tre-rj.jus.br. Por meio de todos os canais, é possível enviar fotos e vídeos. Ao denunciar, o eleitor receberá um número de protocolo para acompanhar o andamento dos procedimentos.

O juiz Marcello Rubioli explica que os canais receberão denúncias tanto de propaganda eleitoral antecipada, ou seja, aquela que é feita antes do dia 16 de agosto, quanto de abuso de poder, que é a conduta abusiva de utilização de recursos financeiros, públicos ou privados, ou de acesso a bens ou serviços em virtude do exercício de cargo público, que tenha potencialidade para gerar desequilíbrio entre os candidatos, afetando a legitimidade e a normalidade das eleições. "Para saber se determinada conduta é de fato irregular, é importante que os eleitores leiam nossa cartilha com as regras da propaganda eleitoral, disponível no site do TRE-RJ", recomenda o magistrado.

As denúncias serão direcionadas para a Central de Mídia Virtual, que funciona na sede do TRE-RJ, no Centro do Rio de Janeiro, e utilizadas como base para as operações diárias das equipes de fiscalização da propaganda em todo o Estado. Os relatórios das ações da fiscalização são encaminhados ao Ministério Público Eleitoral e podem dar origem a ações judiciais que pleiteiem a cassação do registro ou diploma de um candidato ou multa.

Além das operações voltadas para coibir irregularidades, a Coordenadoria de Fiscalização da Propaganda Eleitoral também busca orientar os partidos políticos, como forma de prevenir propagandas antecipadas e abuso de poder. O juiz Marcello Rubioli tem se reunido com representantes das legendas para tirar dúvidas e divulgar a cartilha com as regras da propaganda eleitoral.

Canais para denúncias de propagandas irregulares:

facebook.com: Denúncias Eleitorais RJ 2016
whatsapp: 21-99533-5678
e-mail: propaganda.eleitoral@tre-rj.jus.br
telefone: Disque-Denúncia (21) 3436-9999
Acesse a cartilha com as regras da propaganda eleitoral aqui.

ASCOM - TRE/RJ
Tel.: (21) 3436-8007

Siga o TRE-RJ no Twitter: @trerj

Curta a página do TRE-RJ no Facebook: www.facebook.com/trerj

www.tre-rj.jus.br

quinta-feira, 23 de junho de 2016

Acidente na RJ 232 em Fazendinha São Francisco de Itabapoana



Um veículo Gol caixote ao desviar de um caminhão baú na RJ 232 em Fazendinha São Francisco de Itabapoana perdeu o controle de direção numa curva, vindo a cair numa ribanceira de uns três metros.

O seu condutor, A.F.S., 48 anos teve ferimentos leves na boca, uma pancada no tórax e na cabeça e um corte no rosto foi atendido pelo Resgate da Saúde do município sendo levado para o hospital Manoel Carola em Ponto de Cacimbas. A vítima, estava sozinha no carro, ele mora na em Barrinha.

Pedimos a atenção das pessoas que param para ver este acidente que o mesmo veículo danificado, acabou batendo numa árvore e poste de madeira e arrebentou com a fiação da Concessionária da Ampla, todo cuidado é pouco, pois a fiação ao chão pode está com energia.





Show Francisco

Bandidos se passam por agentes do CCZ, invadem casa e assaltam casal de idosos

Assalto no início da tarde desta quarta-feira, no Parque Tarcísio Miranda, em Campos

Uma braçadeira foi usada pelos bandidos para imobilizar uma das vítimas

Dois homens e uma mulher se passaram por funcionários do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) para invadir uma casa e realizar um assalto no início da tarde desta quarta-feira(22), no Parque Tarcísio Miranda, em Campos. Um casal de idosos e um jovem foram amarrados no interior da casa. Foram roubados dinheiro, jóias e computadores.

O assalto ocorreu numa casa de dois andares situada na Rua Virgílio de Paulo. O trio chegou ao local e pediu para verificar se havia focos do mosquito da dengue e até colocaram remédios em alguns ralos da casa. Após alguns minutos, um deles sacou um revólver e anunciou o assalto.

O primeiro a ser amarrado foi um idoso, de 87 anos. Ele foi levado para a cozinha e amordaçado com um pano de prato. A mulher do idoso, de 72 anos, foi rendida na sala e também amarrada, ela estava fazendo costuras. Por último, os bandidos renderam um jovem, de 28 anos, neto do casal de idosos.

Segundo a polícia, a todo momento os bandidos perguntavam por um cofre, que a família afirma não possuir.

Depois de revirarem a casa, os bandidos fugiram levando R$ 1.200,00 em dinheiro, dois computadores, um tablet, um aparelho celular, jóias e cartões de banco.

O caso está sendo registrado na 134ª DP/Centro.

Nota
A Secretaria de Saúde vai aguardar as investigações da Polícia e explica que a população deve estar atenta ao uniforme dos agentes de combate a endemias de Campos, que, atualmente, é camisa branca com manga laranja e bolsa amarela. Geralmente o mesmo agente fiscaliza os mesmos imóveis rotineiramente. No entanto, quando houver mudanças ou em caso de dúvidas, o morador pode ligar para o telefone 0800.2828.822 e confirmar a identidade do servidor antes de abrir as portas. As visitas intradomiciliares ocorrem das 8h às 14h, de segunda a sexta. Os assaltos ocorridos em Pontos de Apoio (PAs) do CCZ foram registrados por meio de Boletim de Ocorrência.
Campos 24 Horas/Show Francisco

“Cheque para comprar votos”



“Já estão distribuindo Cheque Cidadão para comprar votos por antecedência”, disparou o vereador Marcão (Rede), durante a sessão dessa terça-feira (21) da Câmara de Campos, que contou com a aprovação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2017. Na visão dos oposicionistas, o governo rosáceo já começou a usar a máquina de olho na eleição. Já os aliados do casal Garotinho afirmam que “isso é desespero da oposição”.

Faltando pouco para o recesso parlamentar, que começa em julho, a Câmara contou com uma sessão quente no final da manhã e início da tarde dessa terça. O clima esquentou quando vereadores da oposição apontaram uma “farra do Cheque Cidadão”. “A farra é muito grande. Distribuição de cheque e de empregos. Falo isso e posso provar. Será que alguém tem coragem de me processar? Posso citar os nomes das pessoas e até de vereadores”, disse Nildo Cardoso (DEM), líder da bancada de oposição.

Diante das graves denúncias, aliados do governo Rosinha fizeram questão de usar a palavras para negar a suposta distribuição do benefício. “Eu não dou Cheque Cidadão a ninguém. Quero que isso conste na ata desta sessão. Por que não falam os nomes?”, questionou o vereador Neném (PTB). A vereadora Auxiliadora Freitas (PHS) e o vereador Abdu Neme (PR), aliados do governo, também negaram qualquer tipo de distribuição.

Na defesa do governo, o vereador Thiago Virgílio (PTC) afirmou que as denúncias são uma arma da oposição, que estaria desesperada. “Não existe nada disso. Falam essas inverdades e não provam nada. Eles sabem que vão perder mais uma e estão desesperados”, comentou Virgílio, que listou ações do governo nos últimos meses. “Salários e programas sociais em dia, obras e muito trabalho. Quem está fazendo isso na região?”, indagou.

Ex-aliado do governo Rosinha, o vereador Gil Vianna (PSB), que agora faz parte do bloco “independente”, usou a tribuna para desabafar. “A verdade é que o povo está cansado desse governo. É muita conversa fiada. Já estive ao lado deles e agora tirei um piano das minhas costas. Posso falar o que penso e tenho muitos campistas ao meu lado. Pegaram três empréstimos e vão jogar a conta para a população. Na visão deles, o povo é trouxa e tem que pagar”, disse Gil.

Outro ex-aliado do governo, o vereador José Carlos (PSDC) também entrou no debate. “Fui aliado, sim. Mas estou há quase dois anos na oposição. Não poderia concordar com um governo que gasta R$ 17 milhões com a PCE, R$ 18 milhões com a Emec, R$ 17 milhões com a ‘Cidade da Criança’. Foi muito desperdício enquanto as pessoas estão morrendo nos hospitais. Agora estão aí nessa distribuição de Cheque Cidadão. Vejo com os meus próprios olhos e tem gente que me liga perguntando como faz pra conseguir entrar nessa lista”, comentou.

Fantasma da corrida eleitoral de 2004

A denúncia sobre distribuição de Cheque Cidadão resgata o fantasma da eleição de 2004. Naquele pleito, que terminou na Justiça, duas máquinas entraram em ação (Estado e Prefeitura). Matéria publicada pelo jornal O Globo relata que, na reta final da disputa, o governo do estado, então comandado por Rosinha, distribuiu “Cheque Cidadão, cestas básicas, kits escolares e até casa por R$ 1”.

Três dias antes da disputa, fiscais apreenderam 238 cheques na casa de Cosme Rangel do Rosário, que seria aliado do casal Garotinho. Os cheques estavam guardados em envelopes com o timbre do governo do estado. Mesmo detido, Cosme deixou a casa aplaudido por partidários. Na noite do dia 29 de outubro de 2004, dois dias antes do segundo turno, oficiais de Justiça flagraram na sede do PMDB dirigentes do partido distribuindo R$ 318 mil em espécie para cerca de 50 pessoas. Garotinho estava no lugar e alegou que o dinheiro era “todo certinho”. Para a Justiça, porém, não havia qualquer comprovação da origem do dinheiro.

Na visão do vereador Rafael Diniz (PPS), é preciso verificar todas as denúncias. “As denúncias sobre uso político do Cheque Cidadão precisam ser devidamente apuradas. A população de Campos merece uma campanha limpa. Estamos atentos e temos coragem para revelar todos os possíveis abusos”, comentou.

LDO 2017 aprovada na sessão dessa terça

A Câmara também aprovou, durante a sessão dessa terça, a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para o ano de 2017. A LDO traz projeções sobre as receitas e os gastos do município para o próximo ano, que tem orçamento estimado em R$ 1,6 bilhão. Mesmo sem saber quem estará no comando no próximo ano, oposicionistas apresentaram emendas e tentaram barrar o “cheque em branco” que autoriza remanejamento de 50% sem a necessidade de passar pela Câmara. “Temos que ser coerentes. Independente de quem assuma o governo, é hora de acabar com esse cheque em branco”, disse Rafael Diniz. Porém, os oposicionistas e “independentes” foram atropelados pelo “rolo compressor”, que manteve o remanejamento de 50%.

Foram aprovadas emendas da oposição que tratam sobre aumento da meta de distribuição gratuita de fraldas, valorização da Agricultura e uma sobre dragagem e recursos de água. Já a emenda que inclui a apresentação da certidão de débitos trabalhistas para as empresas que mantém contrato com a Prefeitura, foi rejeitada pela maioria.

Por fim, a oposição apresentou a emenda modificativa nº 005/2016. “Ela tem o objetivo de resguardar o direito do concursado, dando prioridade à convocação destes mediante a contratação temporária”, explicou Diniz. Governistas afirmaram que não há contratado temporário em vaga de concursado na Prefeitura. A emenda acabou sendo rejeitada, mas a oposição apontou falta de quórum necessário.
Alexandre Bastos/Fotos: Michelle Richa/Show Francisco